Luiz Adriano não jogará lesionado, enquanto Deyverson e Borja não vivem bom momento. Willian poderia ser outro candidato para enfrentar o Botafogo, sábado, mas está suspenso

Mano Menezes tem problemas para escalar o ataque do Palmeiras, que enfrenta neste sábado o Botafogo, no Pacaembu. Luiz Adriano está machucado, Willian, suspenso, e nem Borja, nem Deyverson vivem grande fase. Neste contexto, Henrique Dourado pode ser uma novidade no fim de semana.

O centroavante de 30 anos de idade está emprestado até dezembro pelo Henan Jianye (CHN). De acordo com pessoas ligadas ao Verdão, o time chinês banca todos os gastos com o atleta, que terminou de se recuperar no Centro de Excelência de uma fratura na tíbia e já está reintegrado ao grupo.

Contratado quando o Verdão vivia uma crise de atacantes ainda sob a gestão de Luiz Felipe Scolari, o camisa 27 não teve tempo de jogar com o ex-treinador, e com Mano não passou de duas convocações para o banco de reservas: contra o Fluminense e contra o Fortaleza.

Henrique é um centroavante pouco móvel, que joga dentro da área adversária, um estilo que não é o favorito de Mano. Luiz Adriano, o titular, tem mais mobilidade para se associar com os pontas e armador. Só que ele deve perder as próximas rodadas por conta de uma lesão no músculo adutor da coxa direita – o clube não divulgou prazo para o retorno do camisa 10.

Com a atual comissão técnica, Borja tem sido o segundo centroavante mais usado: entrou em quatro partidas e foi titular contra o Atlético-MG, quando Luiz Adriano foi poupado. Não marcou nenhuma vez, assim como Deyverson, lançado na etapa final dos confrontos com Fortaleza e Galo.

A falta de gols da dupla fez com que torcedores passassem a questionar se não é hora de colocar Dourado. Em sua segunda passagem pelo clube, o atacante foi peça importante para evitar o rebaixamento em 2014. Foram 18 gols em 39 partidas naquela temporada, sendo 16 deles no Brasileirão.

A única atividade em que Mano Menezes deve esboçar a escalação para enfrentar o Botafogo acontecerá nesta sexta-feira à tarde – a imprensa assistirá apenas aos dez minutos iniciais de aquecimento.

Felipe Melo, suspenso, é mais um desfalque para o Verdão, que não vence há três rodadas e agora está na terceira posição do Brasileiro. O confronto com o Botafogo está marcado para as 21h, no Pacaembu.