Jogador do Atlético-MG era um desejo do antigo treinador. Com a chegada de Tiago Nunes em 2020, diretor Duílio Monteiro Alves confirma retirada do equatoriano da lista

Atlético-MG x Ceará – Cazares

O diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, concedeu entrevista em Belo Horizonte, após a derrota para o Atlético-MG por 2 a 1, no Independência. Com contrato com o Galo até o fim de 2020, ele era um desejo de Fábio Carille, treinador que foi demitido no início de novembro.

– Posso garantir que Cazares não interessa e não virá ao Corinthians. Tinham nomes que o Carille tinha passado e que não interessam mais ao clube. Por isso, muitos nomes que já foram ventilados o Corinthians não está atrás. É o caso do Cazares – afirmou o dirigente.

Cazares e Corinthians quase se acertaram no mês passado, mas a troca de comando técnico do Timão, com a chegada de Tiago Nunes, deu uma esfriada na negociação.

Para a próxima temporada, o Timão negocia a chegada de Luan, atacante do Grêmio. O clube quer comprar 50% dos direitos econômicos do meia-atacante, e pode incluir jogadores do elenco na negociação para facilitar a vinda do campeão da Libertadores de 2017, pelo Grêmio.