Cerimônia deve acontecer na quarta-feira (15); autoridades brasileiras estão no Chile e não conseguiram embarcar por conta de condições meteorológicas desfavoráveis.

Adiada inauguração de estação brasileira de pesquisas na Antártica

A inauguração da Estação Antártica Comandante Ferraz, prevista para esta terça-feira (14), foi adiada por conta do mau tempo. A Marinha do Brasil divulgou em nota que a previsão é de que a inauguração aconteça na quarta (15), ainda sem horário confirmado.

O deslocamento das autoridades que saem do aeroporto de Punta Arenas, no Chile, para a Antártica não foi possível por conta das condições meteorológicas.

O vice-presidente Hamilton Mourão viaja com destino ao continente gelado, para participar da reinauguração como o principal representante do governo brasileiro. Mourão viaja com Marcos Pontes, ministro da Ciência e Tecnologia e um grupo de autoridades.

Oito anos depois do incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, base brasileira reabre para cientistas e pesquisadores. — Foto: Divulgação Marinha do Brasil

Oito anos depois do incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, base brasileira reabre para cientistas e pesquisadores. — Foto: Divulgação Marinha do Brasil

Os brasileiros tiveram o voo cancelado porque não há “janela”, ou tempo aberto, no aeroporto da base chilena na Antártica, onde estava previsto o desembarque. O céu está encoberto na região da Ilha Rei George e as condições não permitem pousos.O complexo de mais de 4,5 mil m² será entregue quase oito anos após o incêndio que destruiu a base anterior. Pesquisadores brasileiros estão há mais de três décadas no continente.