Dupla de centroavantes do Corinthians participou efetivamente de 27 dos 63 gols da equipe nesta temporada. Mesmo assim, atacantes brigam por vaga entre si

Artilheiros do Corinthians na temporada, Vagner Love e Gustagol têm participação em mais de 40% dos gols do Timão em 2019. Além de balançarem as redes, os atacantes somam cinco assistências para seus companheiros e são os protagonistas do sistema ofensivo do Alvinegro sob de Fábio Carille.

Embora nenhum dos dois tenha sido titular durante toda a temporada, tanto Gustagol como Vagner somam números expressivos com a camisa do Timão. Cada um deles tem 11 gols nesta temporada e dividem a artilharia da equipe. Até aqui, em 55 jogos no anos, o Corinthians fez 63 gols, 27 deles passaram pela dupla dupla.

Autor do gol que garantiu o título paulista para o Corinthians, contra o São Paulo, Love é o atual dono da posição e um dos jogadores que possuem melhor relação com a comissão técnica. No último sábado, Love fez o segundo gol do Timão contra o Ceará, em partida que a equipe acabou levando o empate nos acréscimos do segundo tempo.

Além disso, Love é o artilheiro do Timão na Copa Sul-Americana e no Campeonato Brasileiro, ambos com quatro gols. Voluntarioso, o atacante costuma fazer outras funções na equipe, já tendo atuado aberto pelas beiradas do campo e até mesmo como um defensor, como nos minutos finais do jogo do último sábado.

Já Gustagol, atualmente na reserva, é a maior referência do elenco na bola aérea. O centroavante chegou a ser titular absoluto nos primeiros jogos do ano, mas sofreu com lesões e viu Love e também o argentino Mauro Boselli ganharem espaço enquanto se recuperava no departamento médico.

Apesar de não ser uma unanimidade dentro do clube, Gustagol é o dono da melhor média de gols entre os atacantes. O jogador foi muito importante no primeiro semestre, nos jogos da Copa do Brasil e do Paulistão. Agora, tenta reencontrar o protagonismo no Campeonato Brasileiro.

Mesmo sem ter feitos grandes atuações recentemente, o centroavante é de vital importância no elenco por conta de suas características. A tendência é de que o técnico Fábio Carille passe a utilizá-lo ainda mais para aumentar as opções ofensivas do Timão.