Polícia

Bimotor estava com o piloto, de 52 anos e um acompanhante

O piloto Celso Bernardo dos Reis, de 52 anos, e João Robson Lima Costa – que não teve a idade divulgada até o momento – morreram durante a queda de uma aeronave na manhã desta terça-feira (19), em Tietê. Informações preliminares constam que a dupla traria o bimotor para Penápolis.

Conforme o que foi informado pela polícia, as vítimas foram a Tietê buscar o avião Seneca 3, Embraer 810, com o prefixo PT-VEO, fabricado em 1987. Ainda não se sabe onde Reis e Costa residiam. O bimotor decolou por volta das 10h40 no aeródromo de Tietê.

A queda ocorreu minutos depois, atingindo uma área descampada de uma fazenda. Com o impacto, houve uma explosão, matando piloto e acompanhante. A aeronave, ainda segundo a polícia, pertence a Rubens Alves da Silva e João Paulo Alves da Silva. O local onde houve o acidente está preservado pela PM e pelo Corpo de Bombeiros.

Uma equipe do Seripa 4 (Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) irá até a área para periciar e investigar as causas do acidente.