Apresentado pelo Bahia, Goulart critica Bustos no Santos: “Não respeitou a minha história”

Ricardo Goulart foi apresentado oficialmente pelo Bahia nesta terça-feira e criticou Fabián Bustos, ex-técnico do Santos. O jogador rescindiu com o clube paulista em julho e acertou com o Tricolor de Aço até o fim da temporada.

Confira este e outros vídeos em videos.gazetaesportiva.com

“Tive uma conversa franca [com Bustos], como teria com todos os profissionais com quem trabalhei. Sempre colocando e respeitando a opinião do treinador. Infelizmente, ele não respeitou o meu estilo de jogo, a minha história e a minha contratação de peso na temporada do Santos”, disse o atleta de 31 anos durante coletiva de imprensa.

Goulart também explicou que joga “de meia, atrás do atacante”. De acordo com ele, a diferença entre a sua posição de origem e o estilo de jogo do comandante argentino foi fundamental para o insucesso no Peixe.

“Posso ficar mais próximo do gol. Pelo estilo de jogo dele, ele não opta por meia, então isso acabou prejudicando o meu futebol, não tendo muitas oportunidades de sequência. A gente sabe que o jogador treina para jogar e ter sequência – lá não aconteceu”, declarou Ricardo.

Santos segue na preparação para duelo com o Botafogo no Brasileirão
Veja mais vídeos do Santos FC no

Contratado pelo Santos em janeiro, Ricardo Goulart disputou 30 jogos na temporada, anotando quatro gols e três assistências. Apesar do início promissor, o meia perdeu espaço com o decorrer do tempo e, no total, foi titular 22 vezes.

O jogador entrou em campo pela última vez no dia 6 de julho, quando desperdiçou um pênalti contra o Deportivo Táchira-VEN. Naquela ocasião, o Peixe foi eliminado nas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Além das críticas a Bustos desta terça-feira, Goulart também já havia falado sobre a sua saída do Santos. Em julho, por meio de post no Instagram, ele escreveu que não se sentiu respeitado.