Presidente viaja nesta sexta (27) para semana de recesso na base de Aratu. Michelle Bolsonaro informou, mais tarde, que problema ‘não é grave’, mas não deu detalhes.

O presidente Jair Bolsonaro com a primeira-dama, Michelle — Foto: Reprodução/Instagram
O presidente Jair Bolsonaro com a primeira-dama, Michelle — Foto: Reprodução/Instagram

O presidente Jair Bolsonaro com a primeira-dama, Michelle — Foto: Reprodução/Instagram

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (27) que a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, deve passar por uma cirurgia nos próximos dias.

Mais tarde, a própria primeira-dama falou com jornalistas e disse que o problema que pode fazer com que ela passe por cirurgia “não é grave”, mas não deu detalhes.

O presidente também não detalhou o procedimento, mas disse que, em razão dessa possibilidade, Michelle não viajará com ele à Base Naval de Aratu, na Bahia. Bolsonaro embarca para a área privativa da Marinha no litoral baiano nesta sexta, e volta para Brasília em 5 de janeiro.

Bolsonaro mencionou a cirurgia ao ser questionado por jornalistas quem o acompanharia na viagem à Bahia. O presidente estava em frente ao Palácio da Alvorada, onde cumprimentava simpatizantes.

“Não [Michele não vai à Bahia], ela está com um problema de…Problema não, vai fazer uma, talvez uma cirurgia nesses dias aí”, disse ele.