Sorteio pode colocar Internacional e São Paulo de frente logo na fase de grupos do torneio

O caminho da principal competição da América do Sul está escrito. Nesta segunda-feira, a Conmebol realizou, em sua sede, realizada em Luque, no Paraguai, os sorteios da fase de grupos e dos confrontos da parte prévia da Taça Libertadores de 2019.

Antes da realização do sorteio, Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol, reforçou o pedido pela paz nos estádios pelo continente, já que a final de 2018 ficou marcada por algumas cenas de violência. Além disso, o mandatório anunciou o novo valor da premiação ao campeão do torneio: 12 milhões de dólares (cerca de R$ 47 milhões) e que cada clube receberá 1 milhão de dólares (R$ 3,9 milhões) por partida que fizer no torneio.

O Atlético-MG também está com o caminho traçado para a fase de grupos, caso se classifique nas duas fase preliminares da competição. O Galo pode ser o último representante do Grupo E, ao lado de Nacional-URU, Cerro Porteño-PAR e Zamora-VEN.

Além disso, os outros clubes brasileiros na Libertadores conhecem seus confrontos: o Cruzeiro está no Grupo B, ao lado de Emelec-EQU, Huracán-ARG, e Deportivo Lara-VEN; o Flamengo está no Grupo D, com Peñarol, LDU e um representante da Bolívia que ainda será conhecido.

Atual campeão brasileiro, o Palmeiras ficou no Grupo F, junto de San Lorenzo-ARG, Junior Barranquilla-COL, vice-campeão da Copa Sul-Americana, e algum clube que vem da fase preliminar, podendo ser Melgar-PER, Universidad de Chile, Caracas-VEN ou Delfín-VEN/Nacional-PAR).

O Flamengo, além dos naturais adversários Peñarol-URU, LDU-EQU e Bolívia 2, terá a altitude como um inimigo nesta fase de grupos, já que a Liga de Quito manda seus jogos no Estádio Rodrigo Paz Delgado, 2.850 metros acima do nível do mar. Neste ano, a equipe equatoriana eliminou o Vasco na Copa Sul-Americana.

O Athletico Paranaense, atual campeão da Copa Sul-Americana, também terá que enfrentar a altitude, já que o Jorge Wilstermann, da Bolívia, manda seus jogos no Estádio Félix Capriles, que está a 2.574 metros de altitude. Além disso, o Boca Juniors, da Argentina, e o Deportes Tolima, da Colômbia, completam a chave do Furacão.

Antes da fase de grupos, há um estágio prévio na Libertadores, que é composto por três fases. Atlético-MG e São Paulo, que entram na segunda fase, são os brasileiros envolvidos nessa parte e vão enfrentar, respectivamente, Danubio (URU) e Talleres (ARG).

Os jogos da primeira fase da competição, que serão disputados entre clubes da Venezuela, Paraguai, Uruguai, Peru e Bolívia, começará no dia 22 de janeiro. O término da competição está previsto para novembro, com a final sendo disputada em Santiago, no Chile, em formato de confronto único.

Os quatro times classificados pela fase prévia encontrarão os outros, que estão diretamente classificados para os grupos da competição. Por conta do sorteio, é possível ter um confronto entre São Paulo e Internacional no Grupo A: se o Tricolor avançar pelo Talleres e, posteriormente, por Palestino ou Independiente Medellín, estará ao lado do Colorado e do River Plate, atual campeão da competição.