Volante do Verdão fala da recuperação e da disputa do Mundial de Clubes da Fifa; assista à entrevista

Felipe Melo cumpriu a promessa de voltar aos gramados em janeiro em grande estilo. No último sábado, o volante do Palmeiras teve a oportunidade de entrar em campo nos minutos finais da final contra o Santos e depois dividiu com Gustavo Gómez a responsabilidade com Gustavo Gómez de erguer a taça de campeão da Libertadores.

Em bate-papo com o repórter Andre Hernan (veja a entrevista completa no vídeo acima), o volante do Verdão falou sobre o período de recuperação, a expectativa para a disputa do Mundial e sobre a galeria de ídolos do clube. Para o atleta, Abel Ferreira já está entre os maiores da história palmeirense.

– Para mim, ele é uma lenda, assim como é o professor Felipe Scolari e o próprio Luxemburgo, no Palmeiras. São pessoas que ganharam muito. E o Abel, é um título de muita expressão. É o segundo título da Libertadores do clube. Foram 20 anos para ganhar. Só quem tinha ganhado era o Felipão. É fácil falar do Felipão, tenho muita consideração, está no patamar dos melhores do futebol, ganhou em tudo o que é lugar. O Abel vai ser lembrado por toda eternidade – afirmou.