Atacante ainda está em tratamento de uma lesão muscular; clube aguarda definição até sábado

O atacante Gabriel Veron, do Palmeiras, ainda não tem participação garantida no Mundial de Clubes da Fifa.

O atleta está sendo avaliado diariamente pelo Núcleo de Saúde e Performance do Verdão por causa de uma lesão muscular na coxa esquerda, que o tirou da final da Libertadores, e corre o risco de ser cortado da competição.

Ele não terá condições de atuar na semifinal de domingo, contra o Tigres, mas o clube trabalha para recuperá-lo a tempo de atuar em uma eventual final, no próximo dia 11.

Porém, a definição sairá já na tarde deste sábado. A Fifa permite aos clubes participantes trocas na lista dos 23 inscritos até 24 horas antes da estreia. Ou seja, o prazo para o Palmeiras vence às 15h do dia anterior ao jogo.

Caso se constate neste sábado que Veron não apresenta um estado físico bom o suficiente para ter chances de atuar em uma possível final, ele será substituído antes da semifinal para Abel Ferreira não “perder” essa vaga entre os inscritos.

O Palmeiras viajou para o Catar com 28 atletas. A comissão técnica conta com cinco suplentes: Renan, Esteves, Wesley, Breno Lopes e Gabriel Silva. Destes, Breno Lopes não pode ser inscrito por ter chegado ao clube após o fechamento da janela internacional de transferências, e Wesley está em transição física depois de se recuperar de cirurgia no joelho.

Na última quinta-feira, Veron não participou do primeiro treinamento da equipe de Abel Ferreira em Doha, no Catar. O Verdão ainda terá as atividades desta sexta-feira e do sábado antes da partida contra o Tigres, do México, no domingo.