Estava em pé no trator em movimento e ficou preso entre o para-lama e o equipamento de passar veneno

O lavrador Antônio Luiz Vigilato, 54 anos, morador em Barbosa (SP), morreu na madrugada desta segunda-feira (21) na Santa Casa de Araçatuba (SP). Ele estava internado desde sábado (19), quando caiu de um trator e ficou prensado em um equipamento agrícola.

Segundo o boletim de ocorrência, o acidente aconteceu por volta das 11h, na estrada vicinal que liga os municípios de Penápolis e Barbosa.

O relato à polícia foi feito pelo filho do dono da fazenda onde a vítima trabalhava, em Barbosa.

Ele contou que Vigilato estava em pé em um trator conduzido por outro funcionário. Outro trabalhador rural estava no veículo, porém, sobre o implemento agrícola atrelado ao trator.

Durante o trajeto, não se sabe por qual motivo, a vítima foi prensada entre o para-lama traseiro do trator e o implemento agrícola, que é uma bomba de veneno.

Percebendo o acidente, o tratorista parou e correu até a sede da fazenda, onde pediu ajuda ao filho do proprietário.

Vigilato foi retirado desacordado e levado para a Santa Casa de Penápolis. Exame constatou lesão em uma artéria na perna direita e no mesmo dia o paciente foi transferido para a Santa Casa de Araçatuba.

Ele foi submetido a cirurgia, mas teve choque hemorrágico, insuficiência renal e sofreu parada cardíaca. As equipes médicas tentaram as manobras de reanimação, mas a morte foi confirmada 1h29 desta segunda-feira.

O corpo passou por exame necroscópico antes de ser liberado aos familiares para velório e enterro.

 

Fonte: Hojemais