Jesualdo Ferreira sofre com lesões e desfalques em seu início pelo Santos

A questão física é sempre uma preocupação para os times no início de temporada. No Santos, não é diferente. A integridade dos atletas vem sendo uma dor de cabeça para o técnico Jesualdo Ferreira. Em apenas 15 dias de trabalho, o português já perdeu seis atletas lesionados.

Os principais problemas têm sido na zaga e no ataque, setores que a escalação não foi repetida nas duas partidas oficiais do Peixe na temporada 2020.

Jesualdo terá oito desfalques para enfrentar a Inter de Limeira (Foto: Ivan Storti/ Santos)
Na linha defensiva, o zagueiro Lucas Veríssimo tem um estiramento no joelho esquerdo. O atleta vem passado por reavaliações, mas ainda não tem data definida para retornar. É o mesmo caso do companheiro Felipe Aguilar. O colombiano está com um edema na coxa direita e, assim como Veríssimo, sequer foi inscrito na fase inicial do Paulistão.

O contratempo é ainda mais grave no ataque, com quatro machucados. Na estreia do estadual, contra o RB Bragantino, Marinho teve uma fratura no pé esquerdo e Kaio Jorge teve um entorse. Durante a semana passada, nos treinamentos, o paraguaio Derlis González sentiu um desconforto muscular. E, agora, a nova baixa é do jovem Arthur Gomes, autor do primeiro gol do Santos na vitória sobre o Guarani, que precisou ser substituído antes do intervalo, sentindo dores no músculo posterior da coxa direita.