Testemunhas disseram à polícia que o autor dos disparos estava em um VW Gol branco e fugiu logo em seguida

O supervisor de segurança e mestre de capoeira Everaldo Aparecido Cardoso Martins, 45 anos, foi assassinado a tiros em frente à casa dele, no bairro Lago Azul, em Araçatuba (SP), na manhã desta segunda-feira (13).

Testemunhas disseram à polícia que o autor dos disparos estava em um VW Gol branco e fugiu logo em seguida.

O homicídio aconteceu por volta das 9h, na rua Antônio Spironeli. A vítima residia com a filha, de 17 anos, que disse à polícia que estava dormindo quando aconteceu o crime.

A jovem acordou com o barulho dos disparos, viu o portão aberto e ao sair para ver o que havia encontecido, encontrou o pai caído com o corpo parte na calçada e parte na rua.

Equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi ao local e o médico constatou que a vítima já estava morta quando foi examinada.