Polícia só ficou sabendo quando a vítima deu entrada no pronto-socorro para atendimento médico

Uma dona de casa de 40 anos, moradora na Vila Cortelazzi, em Birigui (SP), teve ferimentos no rosto após ser agredida com uma garrafada. O acusado da agressão é o companheiro dela, um homem de 37 anos, que não foi localizado pela polícia.

O crime aconteceu na madrugada de sexta-feira (28), na residência do casal, que fica na rua Domingos Paludeto. Entretanto, a polícia só ficou sabendo quando a mulher deu entrada no pronto-socorro para atendimento médico.

Ela contou que durante uma discussão, o companheiro dela lhe agrediu com dois socos e uma garrafada, que causaram hematomas e um corte no rosto.

Ainda de acordo com a dona de casa, após as agressões o acusado teria fugido para o rancho do pai dele, em Buritama. Entretanto, ela não soube informar o endereço.

Como a paciente permaneceu internada em observação, ela não foi levada à delegacia para o registro do boletim de ocorrência, que foi apresentado por policiais militares.

O caso foi registrado como lesão corporal e violência doméstica.
Fonte: Hojemais