Mulher teria fugido fazendo gestos obscenos para os policiais e ainda bateu com carro em praça de pedágio


Vanessa Percário, 44 anos, moradora em Botucatu (SP), morreu ao bater e capotar o carro que conduzia na rodovia Marechal Rondon (SP-300), em São Manuel, na manhã de domingo (17). Segundo a Polícia Militar Rodoviária, ela fugiu de abordagem policial.

Policiais militares relataram que às 7h45 seguiam com a viatura para a base e viram um Fiat Uno parado no acostamento da pista sentido a Bauru.

Segundo a polícia, ao perceber a aproximação da viatura, ela acionou o motor e saiu, fazendo gestos obscenos para os policiais.

Teve início o acompanhamento, até que na praça de pedágio, o carro da vítima bateu em uma peça de proteção da cabine, de concreto. Os policiais desembarcaram da viatura, mas quando se aproximavam do Uno, a condutora novamente fugiu sentido a Bauru.

No trajeto, o carro chegou a sair para o acostamento da pista, até que bateu em uma parede de concreto na entrada de uma propriedade rural. Desgovernado, o veículo ainda atingiu um barranco e capotou sobre o asfalto.

Ao se aproximar do carro, os policiais viram que Vanessa havia sido arremessada no asfalto e estava morta.

Equipes de resgate da concessionária responsável pela rodovia e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) estiveram no local, que foi periciado antes da remoção do veículo.

A mulher deixou dos filhos e foi enterrada na manhã desta segunda-feira (18), no cemitério Portal da Cruzes, em Botucatu.

Fonte: Hojemais