Vítima acessou pelo Google uma página para negociar dívida, que tinha o símbolo do banco para o qual devia

Uma funcionária pública estadual, de 47 anos, moradora na rua Antonio Pires do Rio, no Jardim Amizade, em Araçatuba (SP) perdeu R$ 6,2 mil em um golpe pela internet, na tentativa de quitar o financiamento de uma motocicleta.

A mulher contou à polícia que possui um veículo Honda Elite 125, 2019/2019, cor branca, financiado pelo banco Santander, por meio de uma empresa terceirizada.

Em 18 de dezembro do ano passado, ela resolveu pagar todas as parcelas de uma só vez. Para isso, acessou pelo Google uma página para negociar dívida, que tinha o símbolo do banco Santander, onde apareceu uma mensagem de quitação e amortização de parcelas e regularização. De acordo com a vítima, os atendentes tinham acesso a toda documentação de financiamento dela, tais como contrato e declaração das parcelas pagas, incluindo datas e valores.

Na negociação, eles passaram que o valor total para quitação era de R$ 6,2 mil e enviaram um boleto, o qual foi pago pela vítima no mesmo dia.

No entanto, entre os dias 10 e 13 de janeiro deste ano, a funcionária pública passou a receber ligações do banco, cobrando o pagamento das parcelas. Ela estranhou o fato e disse que tinha quitado a dívida.

Ao enviar os comprovantes do pagamento ao banco, foi informada de que a documentação era falsa, pois o código de barras do boleto tinha como recebedor um banco digital e não o Santander.

O caso é investigado como estelionato.

Fonte: Hojemais