Suspeito do crime no Águas Claras seria genro da vítima; caso do Umuarama seria tentativa de suicídio


A Polícia Militar de Araçatuba confirmou no final da noite desta quinta-feira, 30, dois homicídios na cidade, um no residencial Águas Claras e outro no bairro Planalto.

Apesar de os bombeiros terem comunicado atendimento a uma terceira vítima no bairro Umuarama, a informação é de que nesse caso, teria ocorrido uma tentativa de suicídio.

O primeiro assassinato aconteceu por volta das 18h, no residencial Águas Claras. A vítima seria Enilson José da Silva, atingido por três disparos de arma de fogo quando estava na frente de casa, na rua João dos Santos Lima.

O suspeito do crime seria um genro da vítima, pois de acordo com a polícia, durante o dia o pai teria agredido a filha dele, que foi defendida na ocasião pelo suspeito, causando desentendimento.

Para se vingar, o genro teria retornado mais tarde, armado, e atirado contra o sogro. Apesar de ele ter sido identificado, equipes realizaram patrulhamento e o suspeito não foi localizado.

Planalto

A segunda vítima de homicídio na noite foi baleada na rua José Madrid Gimenez, no bairro Planalto, por volta das 20h30. O homem, que não teve a identidade divulgada, foi surpreendido pelo condutor de uma moto que passou por ele e atirou.

Nesse caso, a Polícia Militar informou que a vítima chegou a ser levada para a Santa Casa, mas morreu a caminho do hospital.

O homem assassinado tinha passagens pela polícia por furto, mas até o final da noite não havia informações sobre a autoria e a motivação do crime.

Fonte: Hojemais