Reforços do São Paulo, Miranda e Éder não atuam desde novembro de 2020

Após pouco investir no elenco na última temporada, a nova diretoria do São Paulo decidiu mudar de estratégia e contratar reforços para 2021. Até o momento, o clube já anunciou Bruno Rodrigues, Orejuela, MIranda e Éder. Esses dois últimos, no entanto, terão que receber um tempo maior para entrar no ritmo de jogo ideal.

Isso porque a dupla não atua desde o dia 12 de novembro de 2020, ou seja, há quase quatro meses. Na ocasião, ambos defendiam o Jiangsu Suning, da China, e deixaram o gramado com uma vitória de 2 a 1 sobre o Guangzhou Evergrande, time de Paulinho e Anderson Talisca. Com o resultado, a equipe dos atuais jogadores do Tricolor Paulista garantiram o caneco da Superliga Chinesa.

Neste jogo, o zagueiro Miranda atuou durante todo o embate, enquanto Éder foi substituído aos 36 do segundo tempo. O atacante de 34 anos, aliás, marcou o gol que abriu o placar para os visitantes.

A explicação para este grande período sem partidas é que o futebol chinês entrou de férias nesses últimos meses. O campeonato se encerrou justamente com essa partida do Jiangsu Suning.

Aos 36 anos, Miranda destacou na sua coletiva de apresentação a sua preocupação com o seu físico, mas salientou que seguiu treinando neste período de recesso.