Índice manteria a região na Fase Vermelha, independentemente da Fase Emergencial na próxima segunda-feira

A área do DRS-2 (Departamento Regional de Saúde) de Araçatuba está com 89,6% de taxa de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) destinados a pacientes com sintomas de covid-19, segundo atualização feita pelo governo do Estado às 16h deste sábado (13).

Levantamento divulgado no site do governo aponta leve melhora com relação a ontem, quando essa taxa era de 90,4% de ocupação dos leitos de UTI. Ainda assim, o índice está acima da média do Estado, que é de 87,6%.

Nessa situação, mesmo que o Estado não fosse para a Fase Emergencial do Plano São Paulo a partir de segunda-feira (15), a região de Araçatuba permaneceria na Fase Vermelha, cujo limite é 75% de ocupação dos leitos de UTI. Com relação aos leitos de enfermaria, a taxa de ocupação é de 71,2%, contra média de 73,8% no Estado.

Esse aumento na taxa de ocupação de leitos ocorreu de forma acelerada nos últimos dias. No dia 3, quando o governo do Estado anunciou que todo o território paulista iria ser colocado na Fase Vermelha, a área do DRS de Araçatuba estava na Fase Amarela, que é a terceira do Plano São Paulo, ou seja, abaixo de 70% de taxa de ocupação dos leitos de UTI.

Segundo o site do governo do Estado, foram registradas 43 novas internações neste sábado na região de pacientes com sintomas de covid-19, variação de 12,9% no comparativo semanal.

Os 40 municípios da região somam 46.014 casos confirmados de coronavírus e 1.082 óbitos. No sábado (5) passado eram 10.024 mortes, ou seja, foram 58 mortes em uma semana na região.
Fonte: Hojemais