Tite explica por que abriu mão de quatro convocações no Brasil

O técnico Tite optou por não convocar mais quatro jogadores da seleção brasileira para a Copa América. O limite é de 28 e 24 foram chamados.

O treinador explicou que já é difícil cortar um atleta do banco de reservas. E a ideia foi acirrar a concorrência e utilizar todos na competição

“Deixar atleta como Douglas Luiz fora é pesado, cara. A gente sente. Fica o reconhecimento. No próximo jogo vai ser outro e assim sucessivamente. Imagina três ou quatro? Não podemos ser bonzinhos, temos que oportunizar. Para oportunizar, decidimos por 24”, disse Tite.

Douglas Luiz, do Aston Villa, foi cortado do banco. O número máximo de suplentes é 11. Se tivesse convocado 28, cinco ficariam fora a cada rodada.

Após vencer a Venezuela por 3 a 0, o Brasil voltará a campo para enfrentar o Peru, quinta-feira, às 21h (de Brasília), no Nilton Santos.