Vacinas para crianças estão com cobertura baixa em Araçatuba e férias escolares são oportunidade para atualização

Com o índice baixo de vacinação de crianças, em Araçatuba, contra diversas doenças, o município espera que o período de férias sirva para que os pais levem os filhos para completar a caderneta de vacinação.

Algumas das principais vacinas que estão com índice baixo em Araçatuba e que são aplicadas em crianças e adolescentes das mais variadas faixas etárias são as da gripe, covid-19, sarampo e HPV.

De acordo com dados do município, até o final da última semana o índice de vacinação contra a gripe de crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, que fazem parte do grupo prioritário contra a doença, estava em 44%.

Isso significa que entre as 9.913 crianças desta faixa etária em Araçatuba, apenas 4.375 tomaram a dose que protege contra o vírus Influenza.

Em relação à segunda dose da vacina contra a covid-19, as crianças de 5 a 12 anos imunizadas contra a doença são pouco mais de 53%.

Das 15.857 pessoas nesta faixa que estão aptas a tomar a vacina, apenas 8.449 já tomaram. Em relação à primeira dose, são 11.869 que se vacinaram, o que corresponde a quase 75%.

Já as vacinas contra a HPV e sarampo estão com cobertura acima de 60% em crianças e adolescentes, que fazem parte do público alvo, porém, ainda longe de 90%, que é a meta mínima no Ministério da Saúde.

“Neste momento onde nós vivemos situações vendo doenças que estavam erradicadas voltarem, (esses índices) são muito preocupantes. Pessoal precisa aproveitar, os pais e responsáveis, esse momento de férias, e olhar a carteirinha das crianças, a sua carteirinha, fazer um grupo todo e vir tomar a vacina”, afirmou Aparecida Nava, chefe de gabinete da saúde no município.

Em Araçatuba, todas as vacinas estão sendo aplicadas nas 19 unidades básicas de saúde, sendo que as UBSs da zona urbana funcionam das 7h às 19h, na zona rural das 8h às 15h.

As unidades básicas de saúde dos bairros Planalto, Umuarama I e Pedro Perri ficam abertas até às 22h.