A Prefeitura de Birigui informa que tomou todas as providências cabíveis com relação aos comentários sobre o possível uso de celular em uma das salas durante o Concurso Público Nº 1/2019, realizado pela VUNESP no último dia 20 de outubro.

Cabe informar que a realização do concurso é de responsabilidade da VUNESP (Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista), que deve planejar, organizar, executar e supervisionar o concurso.

Com relação a foto de uma folha de rascunho do gabarito da prova realizada no último dia 20 de outubro, que repercutiu via Whatsapp e redes sociais, a pessoa já foi identificada e desclassificada do concurso.

A pesquisa para encontrar o candidato (a) que fotografou a folha de rascunho foi um trabalho da VUNESP e da Secretaria Municipal de Segurança Pública.

Em nota, a VUNESP informou a Prefeitura de Birigui que o concurso não será anulado e que o mesmo transcorreu dentro da normalidade esperada, mostrando lisura e sem prejuízo a qualquer candidato participante.

Com relação aos áudios divulgados via Whatsapp, sobre possível irregularidade no mesmo concurso, a Secretaria Municipal de Segurança Pública também identificou o autor, sendo que o mesmo irá sofrer as penalidades por gravar e divulgar conteúdo mentiroso e difamatório. O caso foi levado a Polícia.

A administração e VUNESP reiteram que o concurso público concorreu com extrema lisura e idoneidade, sendo que serão premiados os melhores classificados.

A administração lembra que a VUNESP é uma das mais respeitadas organizações do País na realização de concursos, sendo que sua credibilidade é total perante a comunidade.

Abaixo, imagem da última folha do ofício enviado pela VUNESP à Prefeitura de Birigui nesta quarta-feira, dia 30 de outubro.